CLIQUE PARA OUVIR JOSSANDRA BARBOSA









Queremos agradecer a todos os nossos alunos, seguidores, colaboradores e funcionários que fazem de nosso trabalho um SUCESSO. Feliz ANO NOVO!!!!.E aguardem o lançamento do nosso livro DIPP em Fevereiro de 2017. Para sair desta tela clique no X abaixo ou Esc no seu teclado.Antes de Sair curta nossa fan page


Faça já sua Inscrição!

Faça já sua Inscrição!

domingo, 20 de julho de 2014

INFORMAÇÕES SOBRE CONCURSOS EM PSICOPEDAGOGIA


Já algum tempo tenho observado algumas irregularidades nos concursos abertos para a área da psicopedagogia. Buscando entender quais parâmetros eram usados para a construção do edital, com ajuda de um psicopedagogo amigo, encontramos no site da ABPP(http://www.abpp.com.br/parametros-para-a-elaboracao-de-consursos-publicos-para-psicopedagogos) as orientações para que se crie concursos públicos na área da psicopedagogia. Lembrando que a ABPP não representa toda a categoria, apenas seus associados, pois não é um órgão de classe, tal parâmetros deveriam ser feitos por um conselho de profissão(CRPp-Conselho Federal de Psicopedagogia ) que ainda não existe porque a psicopedagogia NÃO FOI REGULAMENTADA

Bem vamos as irregularidades. No quinto capitulo encontramos a seguinte informação:
V – Pré - Requisitos (para ser candidato)
  • Experiência mínima comprovada de 2 (dois) anos na área;
  • Comprovante atualizado de associado por no mínimo dois anos da Associação Brasileira de Psicopedagogia (ABPp).
 VEJA O QUE DIZ O SITE DA ABPP NO SEU LINK sobre a  adesão a suas ANUIDADES
:
"2.     Somente o associado rigorosamente em dia com suas contribuições terá direito aos descontos nos eventos da ABPp e de seus Parceiros, inclusive à declaração de associado ao órgão de classe, exigido por muito concursos públicos para o cargo de psicopedagogo." FONTE  SITE DA ABPP 

VALE LEMBRAR que a ABPP é uma ONG( INFORMAÇÃO QUE VC TEM ACESSO NO ESTATUTO DESTA ENTIDADE) e não conselho de representação de categoria desta forma nenhum psicopedagogo brasileiro está obrigado a pagar nenhuma taxa PARA atuar profissionalmente.

Estas imposições dos concursos podem ser facilmente serem derrubadas ela não tem base legal. A lei que traz as diretrizes profissionais da psicopedagogia é a PL 3512/10 e não HÁ nela nenhuma obrigação de se filiar a qualquer instituição.

O capítulo VII  fala sobre o– Salário

"A ser definido pelas autoridades competentes, levando em consideração a realidade de cada região, tomando como parâmetro mínimo a remuneração dos profissionais que integram o corpo técnico das instituições onde serão criados os cargos. "
Existe urgente a necessidade de serem criados os sindicatos dos psicopedagogos em cada Estado brasileiro. Pois são os sindicatos que realização convenções coletivas e podem fixar pisos salarias para a categoria. Deixando em aberto para cada gestor escolher quanto vai pagar sem dar-lhe um padrão causa o que temos visto ultimamente nos concursos, sálarios defasados e incoeerentes com o cargo. Já vi concursos oferecer 840,00 para um psicopedagogo com 40 horas.

É importante que todos os psicopedagogos acordem para o momento político que estamos vivendo na psicopedagogia. Que possamos lutar pela aprovação da lei 3512/10 que encontra-se parada no Senado Federal. Lutar pela criação de um conselho federal E DOS SINDICATOS que representem a classe . Necessitamos de representação política, de popularização de nossos serviços, que concursos não sejam só abertos para escolas, mas para creches, hospitais e que vagas sejam oferecidas em empresas.
ENTRE NA LUTA PELA CRIAÇÃO DOS SINDPSICOPp - sindicatos de psicopedagogia

1 comentários:

Edcelma Borges Angelo disse...

Achei muito bom essa proposta, acho que ja passou da hora da nossa categoria avançar .Hoje os tempos mudaram não tem como ter uma escola e não ter um psicopedagogo..cada vez mais nossas crianças requer um profissional bom e atuante nessa area.

Leia também neste site...

2leep.com